FREGUESIA DE NOSSA SENHORA DA ENCARNAÇÃO DO PASSÉ

Escrito por Viraldo B. Ribeiro
Sáb, 23 de Maio de 2009 14:51

encarnaçãoRelação da e dos Sítios em lugares,rios,seus nomes e distancias e juntamento das pessoas que n’ela e nas capelas suas filiais ao presente se compreendem(?) pelo vigário Antonio da Costa Pereira (1757).
Essa Freguesia de Nossa Senhora da Encarnação do Passé, que está situada a beira mar pela parte do poente correndo de sul para o norte se divide com a de Nossa Senhora do Socorro por um braço de mar que entra pela terra dentro da distância de uma légua no engenho de S. Paulo que é de André Brito de Castro, daí caminhando pelo mesmo rumo de terra firme se vai dividindo com a mesma freguesia do Socorro, e em parte pequena com a de Nossa Senhora do Monte distância de duas léguas até topetar com o rio chamado Joanes, o qual tendo a sua origem no engenho da Gurugaya que era de Braz Vieira pertencente a freguesia de Nossa Senhora de Monte, e correndo do poente para o nascente em forma circular vai desembocar ao mar, e assim por este rio pela parte do norte se divide esta freguesia de Passé com a de S. Sebastião, que dela foi já criada em tempo do Reverendíssimo Rei Nosso senhor D. João quinto de saudosa memória, e pela do nascente em pequena parte com a do Santo Amaro de Ipitanga, e pela do Sul correndo de poente para o nascente distância de duas léguas e meia pouco mais ou menos até topetar com o mesmo rio de Joanes se divide com a freguesia de Nossa Senhora da Piedade de Matoim. O que suporta – Os Sítios, ou lugares que se acham dentro dos limites desta freguesia do Passé não são os seguintes: Primeiramente o sítio da Matriz que no terra plano ocupará um quarto de légua em quadra, adiante logo correndo do Sul para o Norte pela parte do poente na distância de meia légua está o sitio Pitanga onde há um engenho do capitão Matias Vieira de Lima Menezes e uma capela de Invocação de todos os Santos, segue-se uma distância de meia légua o de São Paulo chamado assim por pertencer ao engenho de André de Brito em que se acha a capela do bem-aventurado Apostolo de São Paulo porem tanto a capela como o engenho pertence à matriz do Socorro.