NASCE UM JORNAL, UMA VIDA.

Qua, 22 de Agosto de 2001 00:00
Número 01 – Edição 01 – Sítio Inhatá, dia 22 Agosto 2001

ovoAlegria Alegria

Bangüê registra, hoje dia 22 de agosto, às 20:15 horas, como sua primeira noticia, antes mesmo de informar seu próprio Edital de nascimento, que está a caminho um rebento, como resultado vivo e feliz do casamento de João e Maria.

A noticia se espalhou, na mesma hora em São Salvador da Bahia, no Recôncavo, São Bento do Inhatá, Terra Nova, todo Massapê de Santo Amaro. A esta hora já tomou noticia toda Bahia. O Sertão de Ituaçu gritou por lá, pra toda a Chapada ouvir, foi tão forte que quase confundiu os tambores de cá.

A Bahia lhe espera, mesmo ainda no forno mesmo ainda botão, pra bater e fazer ouvir seus atabaques de mais perto.

A partir de agora, depois de algumas noticias no forno, possivelmente também há cinco semanas, como o botão aí do lado, nasce Bangüê, informativo restrito a poucos números, trazendo para periferia fatos ocorridos no Recôncavo, principalmente no Santo Amaro de ontem.

Massapê, cana, canavial, botada, negros, escravos e senhores, engenhos e usinas, estarão aqui como rascunho de lembranças, de informações lidas ou passadas por pessoas.

No engenho, já algumas coisas enfornadas, que preenchem várias páginas como esta. Entretanto nesta edição só cabe Alegria.